Você está em: CEARA // Notícia de Anselmo // 4 de abril de 2019

 
 
O nível do Rio Coreaú, que corta a cidade de Granja (a 300km de Fortaleza), aumentou meio metro entre quarta e quinta-feira (3 e 4) e atingiu 3,60 metros de altura acima do normal. Com a elevação, a água começou a vazar e se espalhar pela cidade, através de fissuras na barragem e um canal, alagando bairros como Barrocão, Lagoa Grande e o Centro da cidade, que já estavam sob alerta. Se o nível atingir quatro metros, o município entra em situação de “calamidade”.
 
 
Alguns moradores de Granja, que residem mais próximo da barragem, começaram a retirar móveis e abandonar as próprias casas desde a última quarta-feira (3). O receio da população granjense era ainda maior por conta de um alagamento que ocorreu em 2009, na última vez que o rio atingiu o nível máximo e alagou várias casas e bairros do município. Essa situação em Granja ocorre por conta dos altos níveis de chuva registrados na região Norte do estado, durante os primeiros meses de 2019.
Além dos arredores que demandavam maior cautela, os bairros São Francisco e Alto da Brasília também foram atingidos pelo vazamento da água. Comunidades como Adrianópolis e Timonha também enfrentam dificuldades por conta das águas. O transtorno ainda pode ser presenciado na região de Córrego do Lino, onde o rio levou uma ponte. Outras dez comunidades nessa região estão prejudicadas com a situação.
 
 
O POVO
Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire