Você está em: NACIONAL // Notícia de Anselmo Bandeira // 19 de março de 2018


A Polícia Civil de Minas Gerais apreendeu na madrugada deste domingo (18) um carro que pode ter isso usado por criminosos no assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL), 38, e seu motorista, Andreson Gomes, 39, no Rio de Janeiro, na noite de última quarta-feira (14). O veículo foi aprendido no município de Ubá (290km do Rio de Janeiro), na Zona da Mata mineira.

De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Civil mineira, "tudo leva a crer" que seja um dos carros utilizados no crime, mas a confirmação depende da realização de uma perícia a ser feita por policiais civis do Rio de Janeiro que estão a caminho de Ubá.

Marielle e Anderson foram assassinados dentro do carro em que seguiam no bairro do Estácio, no centro do Rio, depois de a vereadora participar de um debate com mulheres negras no bairro da Lapa, também na região central. Ao menos dois veículos teriam perseguido o carro em que a vereadora trafegava, segundo a polícia.

Os criminosos dispararam pelo menos nove tiros. Quatro disparos atingiram a vereadora na cabeça. Nada foi roubado. A principal linha de investigação da polícia é de crime premeditado.

Uma assessora de Marielle também estava no carro, mas foi atingida apenas por estilhaços. Ela prestou depoimento à polícia na última quinta (15). Como é testemunha do crime e poderia ficar sob risco, ela deixou o Rio.

UOL
Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire