Você está em: CEARA // Notícia de Anselmo Bandeira // 17 de outubro de 2018


Cerca de 100 pessoas bloquearam totalmente a rodovia BR-116, na altura do km 17 em Itaitinga, onde fica o Complexo Penitenciário. O ato de protesto, realizado por mulheres de detentos, teve início na manhã desta terça-feira (16).

As manifestantes fecharam a via e atearam fogo em pneus. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), elas pediam a presença da imprensa para deixar a pista, que chegou a ser liberada após uma viatura do Corpo de Bombeiros apagar as chamas, mas foi ocupada novamente.
 
O grupo pede melhorias nas condições da Unidade Prisional Professor José Sobreira de Amorim, onde, segundo as mulheres, os detentos sofrem maus tratos e são impedidos de tomar banho de sol. Lá, na noite de segunda (16), foram queimados colchões, num motim que se repetiu em outros dois presídios do Complexo, o Centro de Execução Penal e Integração Social Vasco Damasceno Weyne (Cepis), também conhecida como CPPL V e o Instituto Penal Professor Olavo Oliveira (IPPOO II), localizado no Complexo Penitenciário Itaitinga I.

Diário do Nordeste
Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire