Você está em: CEARA // Notícia de Anselmo // 7 de novembro de 2019

 
A menos de um mês para o início da pré-estação chuvosa no Ceará - que vai de dezembro a janeiro – institutos de previsão climática indicam que as precipitações no período não devem superar a média histórica registrada no estado.
O Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC/Inpe) prevê chuvas abaixo da média. Já o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) aponta ocorrência de precipitações dentro da normalidade. A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), por sua vez, não apresenta prognóstico para o período.
A média histórica de precipitações para os meses de dezembro e janeiro é reduzida, segundo a Funceme. O bimestre que inclui novembro e dezembro tem média de 37.4 milímetros. O mês de janeiro, por sua vez, tem volume médio em torno dos 98 milímetros. Considerando o trimestre – novembro a janeiro – o esperado é de 136.1 milímetros.
O meteorologista da Funceme, Raul Fritz, esclarece que "os modelos apresentam sensibilidade pequena para esse período, pois os sistemas meteorológicos que atuam nesses meses (Vórtices Ciclônicos e Cavados) são de previsibilidade de curto prazo". Diante disso, segundo o especialista, as previsões tendem a não serem tão assertivas.
 
OPOVO
Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire