Você está em: REGIONAL // Notícia de Fagner Freire // 29 de julho de 2020


O Ministério Público do Ceará (MPCE) apresentou à Justiça denúncia contra o comerciante Éder Mourão Sá por dupla tentativa de homicídio e prática de crimes de trânsito. Em fuga após furar bloqueio policial, ele bateu em uma viatura da Polícia Rodoviária Federal, em mais três carros e na sequência atropelou duas irmãs que seguiam em uma moto. 

O G1 não conseguiu contato com o acusado, nem como o advogado dele até a publicação desta matéria. 

O caso foi no dia 16 de janeiro deste ano, por volta das 18 horas. Éder Sá dirigia uma camionete Toyota Hilux SW4. De acordo com a denúncia oferecida à Justiça pelo MPCE, o condutor “assumiu o risco de produzir um grave acidente e, teria consciência plena do resultado possível, e deliberadamente, atropelou duas irmãs que seguiam em uma motocicleta”. 

A denúncia foi apresentada pelo promotor de Justiça José Borges de Morais Júnior, que observou que “o denunciado continuou seu curso arrastando a motocicleta das vítimas por mais 200 metros, evadindo-se do cenário do crime sem prestar qualquer socorro”. 

Para a promotoria de Justiça, fica evidente que Éder sabia o que poderia causar e assumiu o risco. O promotor pediu a condenação do denunciado e pagamento mínimo de R$ 10 mil para reparação dos danos causados pela infração a cada uma das vítimas. 

Éder Mourão dirigia uma camionete blindada quando passou pelo posto da PRF de Sobral, na BR-222, e não obedeceu à sinalização dos patrulheiros para a abordagem. Ele seguiu em direção à cidade e foi perseguido. 

O motorista chegou a ser abordado nas proximidades do Arco de Nossa Senhora de Fátima, mas novamente não obedeceu à sinalização dos policiais rodoviários federais e fez “manobras evasivas, colidindo com a viatura policial e com outros três veículos, a fim de abrir passagem e possibilitar sua fuga”, segundo descreveu o promotor de Justiça. 

Ainda em fuga, na sequência, bateu a camionete na traseira de uma motocicleta, na avenida Ildefonso de Holanda Cavalcante (Perimetral), em Sobral, atropelando Ana Paula Martins Pernambuco, 36 anos, e Sandra Maria Martins Pernambuco, 42 anos. As duas irmãs estavam em uma motocicleta. 

Ana Paula estava na garupa da motocicleta e sofreu perfuração de pulmão. Após passar por cirurgias, ficou com sequelas. Sandra Maria sofreu ferimentos mais leves, no pescoço e na coluna.



 (G1/CE)
Caderno: REGIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire