Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 28 de agosto de 2020


De acordo com o boletim epidemiológico semanal da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), houve aumento no número de casos da Covid-19 nas duas primeiras semanas de agosto em quatro das 22 áreas descentralizadas de saúde (ADS) no Ceará. O informe foi divulgado nesta quinta-feira (27), e também mostrou que só houve aumento no número de óbitos em cinco das 22 ADS, em comparação com as duas últimas semanas do mês de julho.

Conforme a Sesa, lideram os índices de incremento no número de casos da enfermidade, segundo o período de comparação, as seguintes áreas descentralizadas:
Icó (60,3%), indo de 476 para 763 casos
Aracati (35,3%), indo de 136 para 184 casos
Crateús (16,8%), indo de 939 para 1.097 casos
Iguatu (2,6%), indo de 1.213 para 1.244 casos


Óbitos por Covid-19

Cinco ADS apresentaram incremento dos números de óbitos confirmados e suspeitos por Covid-19, comparando com as mesmas Semanas Epidemiológicas, sendo elas
Itapipoca (60%), indo de 5 para 8 mortes
Limoeiro do Norte (50%), indo de 12 para 18 mortes
Baturité (33,3%), indo de 3 para 4 mortes
Crato (11,1%), indo de 27 para 30 mortes
Quixadá (7,4%), indo de 27 para 29 mortes

A ADS de Itapipoca apresentou um incremento de 60%, no comparativo das semanas 30 e 31 (19/07 a 1º de agosto) e 32 e 33 (2/08 a 15/08). Lá, o número de óbitos subiu de cinco para oito. Em Limoeiro do Norte, o incremento foi de 50%, com os números de óbitos subindo de 12 para 18.

Fortaleza, Caucaia, Maracanaú, Canindé, Aracati, Russas, Sobral, Acaraú, Tianguá, Tauá, Crateús, Camocim, Icó, Iguatu, Brejo Santo, Juazeiro do Norte e Cascavel tiveram redução no número de óbitos por Covid-19.

Taxa de mortalidade

De acordo com a Sesa, a taxa de mortalidade passou de 90,4 para 92,1 óbitos por 100 mil habitantes em sete dias, com destaque para as ADS Crato (42,0), Limoeiro do Norte (53,8), Brejo Santo (38,1) e Aracati (56,8) que apresentaram incrementos de 8,1%, 8,0%, 6,5% e 6,3%, respectivamente.

Na última semana, as ADS do Crato, Limoeiro do Norte, Brejo Santo e Aracati registraram os maiores incrementos na taxa de mortalidade acumulada, com 8,1%, 8,0%, 6,5% e 6,3%, respectivamente. As ADS de Fortaleza, Maracanaú, Caucaia e Cascavel registraram os menores aumentos (0,5%, 0,6%, 1,4%, e 1,8%, respectivamente) na taxa de mortalidade, nos últimos sete dias.


(Diário do Nordeste)
Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire