Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 4 de novembro de 2020

 


O Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope) não realizou pesquisa para vereador em Fortaleza e o arquivo que tem sido compartilhado em aplicativos e redes sociais é falso. Duas listas são apresentadas no mesmo arquivo: uma verdadeira, utilizando os dados mais recentes feita pelo Ibope sobre os candidatos a prefeito, e outra fictícia, com 43 candidatos a vereador listados como “mais mencionados” pelos entrevistados. Em primeiro lugar na lista falsa está Inspetor Alberto (Pros), seguido de Adail Júnior (PDT) e Carmelo Neto (Republicanos).

O arquivo indica se tratar de uma pesquisa de intenção de votos espontânea feita com 805 eleitores da cidade de Fortaleza e que teria sido registrada na Justiça Eleitoral com o número CE-08692/2020, número de registro que é inexistente. A pesquisa de intenção de voto espontânea é aquela em que o leitor é questionado em quem pretende votar, mas não são apresentados os nomes dos candidatos pelo entrevistador.

O POVO consultou o sistema de pesquisas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e checou com a assessoria do Ibope, que afirmou que não realizou pesquisa para vereador em Fortaleza. O Ibope informou que os resultados de todas as pesquisas eleitorais realizadas pelo instituto estão no site do Ibope Inteligência, onde podem ser vistos outros comunicados sobre falsas pesquisas atribuídas a candidatos de vários municípios.
 
 
(O Povo)
Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire