Você está em: NACIONAL // Notícia de Anselmo // 2 de novembro de 2020


 Um grupo de homens protagonizou uma confusão que terminou em tiroteio, após uma tarde de bebedeira em um bar de Brazlândia, no Distrito Federal. Os rapazes agrediram o funcionário do estabelecimento que se recusou a preparar um sapo como petisco, a pedido do cliente. A situação aconteceu na noite da quarta-feira (28).


Em depoimento à Polícia Civil, o proprietário da loja disse que os homens já estavam bebendo há algumas horas até que um deles retornou do banheiro, pediu uma dose de cachaça e jogou um sapo no balcão, pedindo que o funcionário fritasse. Conquanto o funcionário se recusou a fritar o anfíbio, o homem pegou de volta o animal, mordeu e questionou se teria que comê-lo cru.


Daí em diante os ânimos se exaltaram e uma confusão se formou. Houve xingamentos, troca de agressões, chutes e socos. Para tentar defender o funcionário que estava em desvantagem, o dono do estabelecimento chegou a tenta separar os envolvidos na confusão, no entanto, sem êxito, sacou uma arma de fogo e disparou em direção a porta. A ação pôs fim à confusão.


Todos foram encaminhados à delegacia e a polícia investiga o caso. Praticante de tiro e com posse da arma utilizada, o proprietário alegou legítima defesa para efetuar o disparo, dizendo que temia pelo pior para seu funcionário e que, “se quisesse, teria acertado” os arruaceiros.



Bahia Notícias


Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire