Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 6 de novembro de 2020

 


Pesquisadoras contratadas pelo Ibope Inteligência denunciaram nesta quarta-feira (4) terem sido hostilizadas e ameaçadas enquanto faziam pesquisa de intenção de voto na cidade de Barbalha, no interior do Ceará.

Em boletim de ocorrência, uma denunciante afirma que um homem "me abordou de forma violenta, apertou meu pescoço, deixando marcas, tentando me arrastar para dentro do carro dele". "Disse que nos mataria se nos encontrasse novamente em Barbalha", afirma a pesquisadora, segundo denúncia registrada em boletim de ocorrência.".

O suspeito se identifica como Washington do Coco, blogueiro da região Cariri, no interior do Ceará. Em nota encaminhada à TV Verdes Mares Cariri, ele negou ter abordado a denunciante de forma violenta. "Conversamos com a entrevistadora, educadamente. Fomos educados, fizemos as perguntas, não destratamos ninguém. Tudo isso foi gravado", argumentou.

Em um vídeo publicado em redes sociais, Washington do Coco afirma que a pesquisadora hostilizada trabalha de forma fraudulenta.

Ainda conforme depoimento à Polícia Civil de Barbalha, um segundo homem, não identificado, fez ameaças à equipe.

"O homem da moto [segunda pessoa denunciada pelos pesquisadores] me mostrou uma arma, ameaçando-me, dizendo que ia me tirar do bairro. Com isso, impediu a mim e a minha colega de continuarmos o trabalho. O homem da arma disse que nos mataria se nos encontrasse novamente em Barbalha. Depois eu e minha colega nos escondemos numa das casas da rua", disse a pesquisadora à Polícia Civil de Barbalha.

A Secretaria da Segurança do Ceará afirmou em nota que as denúncias são investigadas pela Delegacia da Mulher de Barbalha.

Repúdio

Em nota, o Ibope Inteligência repudiou o caso de agressão aos colaboradores. "O Ibope Inteligência repudia veementemente atitudes como as registradas em Barbalha, onde nossos pesquisadores foram hostilizados e ameaçados, sendo necessário o registro de um Boletim de Ocorrência."

"Somente este ano já fizemos pesquisas eleitorais em mais de 50 municípios e em nenhum deles enfrentamos problemas deste tipo", afirma o instituto.

Por fim, o Ibope afirma que "as equipes são treinadas para realizar as pesquisas seguindo padrões técnicos" e atua "estritamente dentro da legislação eleitoral".

 

(G1/CE)

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire