Você está em: REGIONAL // Notícia de Fagner Freire // 25 de fevereiro de 2021

 


Morreu na noite desta quarta-feira (24) o policial baleado na manhã do mesmo dia ao reagir a um assalto em Sobral, no Ceará. Weslen Batista Monção foi atingido por criminosos com um tiro no rosto. Ele deu entrada às 13h na Santa Casa de Misericórdia de Sobral e sofreu uma parada cardiorrespiratória às 19h36.

Weslen reagiu a um assalto em um comércio. O policial estava de folga, na Rua Coronel Adeodato, próximo ao Mercado Público da cidade. No momento em que os suspeitos deixavam o comércio, o policial percebeu o crime, reagiu e foi atingido no rosto.

Suspeito morto

Um suspeito de 24 anos, identificado como Antônio Valmir Marçal Nunes Filho, morreu após ser baleado durante uma troca de tiros com a Polícia Militar do Ceará (PMCE) em Sobral, no interior do estado. Ele era suspeito de envolvimento no caso de um policial lesionado com um disparo de arma de fogo após reagir a um assalto no município.

A dupla saía do estabelecimento, quando o policial — que estava de folga — percebeu a ação e reagiu ao assalto. O agente de segurança foi baleado na região do rosto e encaminhado por policiais do Raio para o Hospital Santa Casa de Sobral. O estado de saúde do policial é grave. 

A dupla fugiu após a ação, mas foi localizada pela PMCE posteriormente, momento em que houve a troca de tiros. O suspeito que morreu no tiroteio com a PMCE já tinha passagens por furto, ameaça, injúria, e por crimes de violência doméstica e familiar contra a mulher, de acordo com a PMCE.

Já o outro suspeito que trocou tiros com os agentes, identificado como Halysson Silva Sanches, de 25 anos, tem antecedentes por lesão corporal e injúria, foi ferido no rosto e socorrido para uma unidade hospitalar sob escolta policial.

A ação que lesionou o policial aconteceu na rua Barão do Rio Branco, próximo ao mercado central de Sobral. Após a troca de tiros, foram apreendidos com a dupla dois revólveres, um simulacro de arma de fogo, uma motocicleta roubada e aparelhos celulares.

O caso foi levado à Delegacia Regional de Sobral, que ficou responsável pela investigação dos fatos.

 

 

(G1/CE)

Caderno: REGIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire