Você está em: CIDADE , IPU , PRINCIPAL // Notícia de Anselmo // 21 de fevereiro de 2021



Promotor de justiça da comarca de Ipu Dr. Ítalo Braga, usou neste domingo (21/02), através de áudio as suas redes sociais para esclarecer que não existe proibição da venda de bebidas alcoólicas e aproveitou o ensejo para alertar à população quanto aos riscos de contaminação pela covid-19.


O representante do Ministério Público disse ter se surpreendido com uma série de mensagens para a Promotoria sobre uma possível proibição da venda de bebidas alcoólicas. Dr. Ítalo esclareceu que no decreto estadual não existe essa proibição e também não há decreto municipal proibindo nenhum estabelecimento comercial de vender bebidas alcoólicas, evidentemente, dentro do horário permitido de funcionamento.

Dr. Ítalo Braga fez um alerta, um pedido aos cidadãos que ao saírem de suas residências tomem todos os cuidados de prevenção, afinal a pandemia está aí e os números estão aumentando. Advertiu aos estabelecimentos comerciais que adotem os protocolos, inclusive o promotor conversou com o procurador geral do município para que alerte à população e repasse as informações inerentes ao decretos às Forças de Segurança. "Desde já o Ministério Público esclarece que não existe esta vedação da venda de bebidas alcoólicas"! Expressou Dr. Ítalo Braga; promotor de justiça da Comarca de Ipu-CE.

Ouça na sonora abaixo o áudio do promotor de justiça Dr. Ítalo Braga:

 
 
Repórter Francisco José
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire