Você está em: NACIONAL // Notícia de Anselmo // 21 de março de 2021

Para uma parte importante do empresariado nacional, o cenário de polarização na próxima eleição entre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é prejuízo, e o país precisa se mobilizar para construir uma terceira via, um caminho do meio.

O titular da cadeira presidencial se elegeu com amplo apoio de empresários, atraídos pela agenda econômica do ministro da Economia, Paulo Guedes. Mas agora decepciona por atrasar privatizações, ter arroubos intervencionistas, retardar medidas ambientais cobradas por investidores estrangeiros e, o mais grave, relutar em adotar uma política eficaz contra a epidemia que se alastra pelo Brasil, com UTIs lotadas e pico de mortes.

O petista, por sua vez, recuperou os direitos políticos e fez um discurso alinhado com as demandas sanitárias do momento, mas não provou a inocência nos casos de corrupção denunciados pela Lava Jato, defende uma agenda que amplia o Estado na economia e o crescimento do gasto público quando o caixa do governo segue no negativo.

As resoluções de curto prazo no combate ao coronavírus são consideradas a prova de fogo do atual governo.

Folha de S.Paulo

 

Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire