Você está em: CIDADE , IPU , PRINCIPAL // Notícia de Fagner Freire // 28 de abril de 2021

Primeiro caso foi relatado pela Secretaria de Saúde do Estado do Ceará, e segundo foi confirmado pela Secretaria de Saúde Municipal.


Há exatos um ano, o município de Ipu, que fica localizado na região da Serra da Ibiapaba, distante 296 km de Fortaleza, Capital, registrava seus primeiros casos pelo novo coronavírus (COVID-19). 

Na manhã daquela segunda-feira (27), não se falava de outra coisa há não ser da confirmação da primeira pessoa infectada com o vírus. O caso havia sido relatado e confirmado pela plataforma de saúde do Governo do Ceará – Integra SUS. A paciente era uma mulher de 49 anos de idade, que estava internada no Hospital Regional Norte em Sobral. Ela conseguiu vencer à Covid-19, porém, ficou com sequelas, com problemas no coração.

No início daquela tarde de segunda-feira, a Secretaria Municipal de Saúde de Ipu, além de confirmar o que já estava na plataforma, relatou o 2º paciente infectado pelo vírus sars-cov-2. O homem morador do Bairro Populares dos Pereiros, teve diagnóstico confirmado após teste rápido onde estava internado no Hospital Municipal Dr. José Evangelista de Oliveira. 

Após um ano de pandemia na cidade, o total de notificações é de 11,906, 8,848 descartados, casos confirmados chegou aos 3,664, e recuperados 3,286 e 60 óbitos. Os dados são referentes à segunda-feira (26.abril.2021), divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde de Ipu.

 

 

(Ipu Post)

Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire