Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 28 de maio de 2021

 


O governador Camilo Santana (PT) vai se reunir nesta sexta-feira, 28, com o Comitê de Enfrentamento e Prevenção à Covid-19 para discutir se a flexibilização econômica no Ceará avança ou continua na mesma fase. O atual decreto não teve mudanças na última semana e está em vigor até domingo, 30.

Até o momento, nas macrorregiões de Fortaleza e Sobral, comércios de rua, restaurantes e shoppings podem funcionar com capacidade de até 50%, de segunda-feira à domingo. Academias estão liberadas até as 21h, além de atividades em clubes, escolas de esporte, areninhas, aulas práticas de ensino superior e atividades extracurriculares das escolas.

Os demais municípios seguem sob condições mais restritas estabelecidas no decreto do começo de maio. Na região do Cariri, entretanto, existe recomendação de medidas ainda mais restritivas devido à elevada taxa de positividade dos casos, de 58%.

Nesta sexta-feira, a taxa de ocupação nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) no Estado é de 88,44%. Nas enfermarias, o percentual está em 71,95%. Os dados foram atualizados no IntegraSUS, plataforma da Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), às 8h06min de hoje.

Existem ainda 326 pacientes com Covid-19 aguardando transferência por meio da regulação estadual. Desse total, 200 necessitam de leitos de UTI e 126 precisam de internação em enfermarias. As informações foram atualizadas às 7h11min desta sexta-feira. 


(O Povo)

 

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire