Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 10 de junho de 2021

 


Foi aprovado na Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira (10), o projeto de lei do Governo do Ceará que autoriza o poder Executivo a adquirir e a ceder notebooks aos professores da rede estadual de ensino a fim de assegurar condições para a criação de conteúdos e a prática de atividades necessárias à aprendizagem remota. A Secretaria da Educação (Seduc) vai comprar 28 mil notebooks, os quais serão destinados a professores efetivos e temporários.

“É de fundamental importância garantir aos professores, em especial considerando os desafios para a educação decorrentes da Covid-19, condições para que possam ministrar aulas, criar conteúdos e executar as demais atividades escolares de forma remota/híbrida, garantindo-se o direito constitucional à educação de qualidade”, destaca o governador Camilo Santana no texto enviado à Assembleia. Ainda segundo o chefe do Executivo estadual, os notebooks serão um suporte essencial mesmo após a pandemia, haja vista que as novas tecnologias passaram a compor o cenário educacional no que diz respeito ao papel do professor, do aluno e da gestão escolar.

De acordo com a secretária da Educação, Eliana Estrela, a medida vai possibilitar melhores condições de trabalho aos docentes, influenciando na preparação das aulas e de outras atividades pedagógicas. “A disponibilização de notebooks para os professores é mais um importante investimento do Governo do Ceará no processo de ensino e aprendizagem das escolas da rede estadual”, afirma a secretária.

Ceará Educa Mais

Também nesta quinta-feira começou a tramitar na Assembleia Legislativa o projeto de lei que dispõe sobre o Programa Ceará Educa Mais. A iniciativa reúne ações destinadas à estruturação, ao desenvolvimento e à implementação de estratégias de gestão com o objetivo de aprimorar e fortalecer o processo de aprendizagem na rede pública estadual de ensino.

Entre as ações previstas pelo Ceará Educa Mais estão o Ensino Médio Integral integrado à Educação Profissional e a Política de Ensino Médio em Tempo Integral. Ao lado dessas, têm-se também ações que buscam assegurar aos estudantes o desenvolvimento de competências e habilidades para aprender no contexto da cultura digital, a partir da integração das novas tecnologias.

 

 

 

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire