Você está em: NACIONAL // Notícia de Fagner Freire // 16 de agosto de 2021

 


O número de mortos no terremoto que atingiu o Haiti na manhã desse sábado (14) subiu para 724 neste domingo (15). Equipes de resgate lutam para encontrar sobreviventes enterrados sob prédios, um dia após o terremoto de magnitude 7,2 e quando uma tempestade tropical se aproxima da nação caribenha. Os haitianos trabalharam durante toda a noite para buscar amigos e familiares entre os escombros de prédios destruídos após o forte tremor que deixou também muitos feridos.

O terremoto de magnitude 7.2 derrubou centenas de casas no país, que ainda está se recuperando de outro grande sismo, ocorrido 11 anos atrás. Em crise política, o Haiti foi deixado sem um chefe de Estado desde o assassinato do presidente no mês passado.

A região sudoeste recebeu o maior impacto do terremoto, principalmente a cidade de Les Cayes e seus arredores. Na noite de ontem, autoridades haitianas registraram pelo menos 304 mortes e mais de 1.800 pessoas feridas.

Igrejas, hotéis, hospitais e escolas ficaram gravemente danificados ou destruídos, enquanto os muros de uma prisão foram rompidos pelos violentos tremores.

“Precisamos mostrar muita solidariedade com a emergência”, disse o primeiro-ministro do Haiti, Ariel Henry, um neurocirurgião que foi colocado à frente do país durante a turbulência após o assassinato do presidente Jovenel Moise no dia 7 de julho.

Alguns haitianos disseram que passaram a noite de sábado dormindo a céu aberto, traumatizados pelas memórias do sismo de magnitude 7, de 2010, que atingiu uma região muito mais próxima da capital, matando dezenas de milhares de pessoas.

Imagens postadas em redes sociais mostram moradores buscando aberturas estreitas em pilhas de destroços de alvenaria, para puxar pessoas em choque dos escombros de paredes e telhados que desmoronaram em volta deles.

Terremoto

O terremoto, de magnitude 7,2, que também foi sentido na República Dominicana (com a qual o Haiti divide a ilha de Hispaniola) e em Cuba, ocorreu às 8h29 locais, a cerca de 12 quilômetros da cidade de Saint-Louis-du-Sud, a 160 quilômetros (km) da capital haitiana, Porto Príncipe, com epicentro a dez km de profundidade. Houve uma réplica de magnitude 5,2 a 17 km da localidade de Chantal, também com epicentro a dez km de profundidade, segundo dados do Instituto Norte-Americano de Geofísica.

 

 

(Agência Brasil)

Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire