Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 11 de novembro de 2021

 


A Polícia Militar do Ceará (PMCE) prendeu três indivíduos e apreendeu com eles três armas de fogo, na noite dessa quarta-feira (10), no bairro Pici. A apreensão foi efetuada por agentes do 18º Batalhão Policial Militar (18ºBPM), após operação de saturação e tentativa de homicídio.

A ação se deu por volta de 23h30, ocasião em que os PMs realizavam uma saturação com equipes da Força Tática e motopatrulhamento. Durante o patrulhamento, os militares avistaram dois indivíduos trafegando em uma moto em atitude suspeita, os quais iniciaram uma tentativa de fuga.

Houve o acompanhamento tático e ambos foram abordados na rua Noel Rosa, momento em que foi apreendido a primeira arma de fogo, revólver calibre 38, que estava com um deles. As demais equipes continuaram a saturação pelo bairro e momentos depois abordaram um outro homem em atitude suspeita.

Nas buscas, foram encontrados consigo outras duas armas de fogo, uma pistola 765 e um revólver calibre 38.Conforme informações preliminares colhidas na ocasião, os indivíduos são suspeitos de terem tentado contra a vida de um homem nas proximidades de ondem foram capturados.

O trio – Magdiel dos Santos Custódio, 18, Luiz Filho Fillsoff, 27, e Alisson Silva Sousa, 20 – foram conduzidos ao 32º Distrito Policial, onde foi feito procedimento por tentativa de homicídio e porte ilegal de arma de fogo.

 

Assessoria de Comunicação da PMCE

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire