Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 25 de março de 2022

 https://www.sspds.ce.gov.br/wp-content/uploads/sites/24/2020/07/Pol%C3%ADcia-Civil-do-Cear%C3%A1-prende-Cilas-%E2%80%9CMago%E2%80%9D-em-Teresina-PI-e-deflagra-opera%C3%A7%C3%A3o-contra-organiza%C3%A7%C3%A3o-criminosa-em-Caucaia-1-600x398.jpeg

Um trabalho da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) resultou, na tarde dessa quarta-feira (23), na localização de duas crianças que haviam sido retiradas da guarda de sua avó. As vítimas, que moram no município de Varjota, foram encontradas na cidade de Sobral – ambas pertencentes à Área Integrada de Segurança 14 (AIS 14) do Estado.

Na manhã da terça-feira (22), uma mulher que detém a guarda de suas duas netas registrou um Boletim de Ocorrência (BO) na Delegacia Municipal de Varjota, informando a ausência das crianças, uma de um ano e outra de cinco anos de idade. A suspeita inicial era de que a mãe havia vendido as filhas para uma suposta compradora em Sobral. De imediato, a PC-CE deu início às investigações e localizou as crianças.

A pessoa que ficou com as vítimas foi ouvida pela Delegacia Municipal de Sobral, e conforme apurado pelos policiais civis, não foi constatado o crime de tráfico de crianças. De acordo com as apurações, as vítimas estavam com essa mulher que se colocou à disposição para cuidar delas. As crianças foram entregues novamente a sua avó e retornaram para o município de Varjota. As investigações sobre o caso continuam.

 

(PC-CE)

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire