Mulher que deixou tornozeleira em urso de pelúcia no Ceará está foragida, e polícia aguarda mandado para prendê-la

 Urso de pelúcia foi encontrado com tornozeleira eletrônica no interior do Ceará — Foto: Reprodução/TV Verdes Mares

A mulher que deixou tornozeleira eletrônica em urso de pelúcia continua foragida e a Polícia Civil aguarda mandado para prendê-la. A informação é da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP). O caso ocorreu na sexta-feira (4), em Quixadá, a 167 km de Fortaleza. O urso foi encontrado com o equipamento por um homem em um loteamento do município.

De acordo com a SAP, a mulher foi identificada e aguarda determinação judicial para iniciar as buscas e efetuar a prisão. Ainda segundo a SAP, a usuária da tornozeleira já havia sido desativada do sistema de monitoração eletrônica desde o dia 30 abril de 2022.

A SAP informou ainda que a mulher encontra-se em cumprimento de medida cautelar diversa da prisão, e se encontra em liberdade provisória por meio de medida legal, mas deveria manter o uso da tornozeleira eletrônica.

O equipamento é à prova d'água (até 50 metros), tem carregador móvel, bateria de 12 horas, sensor de posição e movimento, e não tem o sinal bloqueado por papel alumínio. O aparelho deve ser carregado com frequência pelo usuário do aparelho. A tornozeleira achada com o urso de pelúcia em Quixadá estava descarregado, conforme a pasta. 

 

 

(G1/CE)

Tags