Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 10 de junho de 2022

 Carta escrita por adolescente relatando estupros praticados pelo próprio pai no Ceará — Foto: Polícia Civil/Divulgação

O homem denunciado pela própria filha de 12 anos por violência sexual após a garota escrever uma carta contando sobre os abusos é suspeito de ter praticado o mesmo crime com duas enteadas. A informação é da delegada da Delegacia de Defesa da Mulher de Caucaia, Higina Hissa. O crime foi descoberto após a vítima escrever a carta e entregar para uma das irmãs. (leia a carta abaixo).

De acordo com Higina, a adolescente escreveu a carta para a sua irmã relatando os abusos e disse que só retornaria para casa quando sua irmã lesse a carta. A delegada afirmou que a família se reuniu e a mãe, de princípio, não acreditou. Porém, segundo a delegada, as suas duas filhas de um outro relacionamento relataram que também haviam sofrido abusos.

“Ela escreveu a carta para a sua irmã que desde os sete anos era abusada e fugiu de casa e ligou para a irmã dizendo que só retornaria quando a irmã lesse a carta. A família se reuniu. Ele negou os fatos e a princípio a mãe não acreditou. Entretanto ela [a mãe] tem duas filhas de outro relacionamento e as duas filhas confirmaram dizendo que quando eram crianças e adolescentes ele também o padrasto tinha abusado delas. Então a mãe compareceu a delegacia e fez um boletim de ocorrência. Aí nós iniciamos as investigações”.

Higina Hissa afirmou ainda que a adolescente não tinha feito as denúncias antes porque apenas o pai trabalhava em casa. "Ela disse que não tinha feito antes as denúncias por questões financeiras. Porque apenas o pai trabalhava. Mas, tão logo a irmã conseguiu um emprego, ela fez a carta comunicando o abuso sofrido pelo pai".

A delegada ainda reforçou que o pai não confessou o crime e foi preso na residência de uma tia em Caucaia. O pai vai responder por estupro de vulnerável. “Ele não confessou o crime e não resistiu à prisão. Ele estava foragido e os policiais da delegacia o localizaram e ontem [quinta-feira] por volta das seis horas da manhã o prenderam na casa de uma tia em Caucaia. Ele vai responder por estupro de vulnerável”.

Carta escrita pela vítima

"Eu vou diser uma coisa que eu ñ tenho coragem de contar pra ninguém. É o seguinte, deis dos meus 7 anos de vida eu sou abusada pelo meu pai, sim pelo meu próprio pai. Eu não tenho medo de contar é qui a condição da minha família ñ é muito boa mesmo ele e minhas irmãs trabalhando. Ñ dá para pagar todas as contas e tudo tá bastante caro. Antes ele fazia as coisas comigo e eu não tinha coragem de fazer nada. Mas hoje em dia deis do ano passado eu concigo faser que ele ñ fassa nada comigo. Eu a uns dias atrás eu tentei denunciar ele mais não deu certo ñ cei porque. Tô cansada de ficar cendo mandada por ele e levar tudo de boa por conta das pessoas da que de casa e tambén cuando eu ñ vou de respeito com ele a mãe briga comigo. Eles ñ percebe nada porque eu concigo disfarssa bem mais agora pouco eu dei rabesaca pra ele e a mãe tava brigando comigo. Todo dia eu sou uma crianssa alegre mas por dentro é tudo desmoronado. Depois de vc ler isso denuncei ele por que eu só vouto pra casa cuando cuando ele ñ tiver mais ai. a não cer que pricise de min pra denunciar ele. eu não tô muinto lonje de casa. Tô nun lugar que pega internet então manda menssagem pro (nome de uma pessoa) que eu tô com celular dele por que eu ñ sou burra né (sic). 

 

 

(G1/CE) 

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire