Ganhador da Mega ficou ao menos 20h nas mãos de assassinos em SP

Ganhador da Mega morto em SP

 

Em mais uma etapa das investigações sobre a morte de Jonas Lucas Alves Dias, ganhador de R$ 47,1 milhões na Mega-Sena, a Polícia Civil de São Paulo ouviu dois ex-sócios da vítima. A informação foi divulgada pela delegada Juliana Ricci, em coletiva de imprensa na tarde de quinta-feira (16/9).

Segundo ela, Jonas teria ficado cerca de 20 horas sob o poder dos criminosos.

Jonas foi encontrado com sinais de espancamento em uma estrada de Hortolândia (SP), na quarta-feira (14/9). Ele chegou a ser encaminhado a um hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. De acordo com a delegada, que atua na Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Piracicaba, o prêmio da loteria foi a motivação do crime.

 

 

 (Metrópoles)

Tags