Você está em: CIDADE , IPU , PRINCIPAL // Notícia de Fagner Freire // 4 de outubro de 2018


O Chefe de Gabinete de Ipu Sebastião Rufino (Tião) concedeu entrevista na Rádio Iracema, no programa que publicidade as ações da Prefeitura de Ipu, na terça-feira (02/10).

Interpelado pelo âncora Joacir Melo sobre a falta de água na Bica de Ipu, Tião respondeu que não tinha conhecimento sobre os motivos que levam a Bica a secar, que iria apurar junto as instituições competentes, onde citou algumas, entre elas: a Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Defesa Civil, Conselho Gestor da APA. Tião Rufino deixou de fora a Autarquia do Meio Ambiente e Controle Urbano de Ipu.

O Povo Online em 16/11/2015 publicou uma matéria com o seguente tppitulo sob o título "Barragens e desvios ilegais de água secam a Bica do Ipu'
A gerente da Área de Preservação Ambiental (APA) da Bica do Ipu, Henriette Silva, confirma que há represamentos ilegais e venda irregular de água. Moradores também acusam donos de carros-pipa de se apropriarem da água para vender.

A gerente da APA mudou-se para Ipu há quatro meses e tenta reverter a situação de ilegalidade. “Há uns 15 ou 20 anos, as pessoas estão fazendo esses represamentos. São feitos por gente que trabalha com agricultura e com outras que vendem água irregular, mas é como se ninguém soubesse o que está acontecendo. A bica deveria ter água, não com a mesma vazão, mas com certeza deveria”, diz.

Fiscalização conjunta da Companhia de Gestão de Recursos Hídricos (Cogerh), Secretaria dos Recursos Hídricos (SRH), Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) e Ministério Público resultou na emissão de autos de infração ambiental, termos de embargo e notificações relacionados a uso irregular de barragens, loteamentos e abatedouros sem licença. Apesar das punições, multas e processos administrativos, o represamento continua.

Sobre o Riacho Ipuçaba

Sua nascente principal fica situada no sítio São Paulo a 16 km da sede e em torno de 750 m. de altitude. O riacho Ipuçaba possui uma extensão de 26 km, desaguando no rio Jatobá. O riacho pertence à bacia hidrográfica do rio Acaraú, sendo o riacho Ipuçaba afluente do rio Jatobá e, o rio Jatobá um dos principais afluentes do rio Acaraú. É considerado um riacho de porte médio, perene e corta toda a cidade de Ipu. (FARIAS, 2016).


(Expresso Ipu)
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire