Você está em: NACIONAL // Notícia de Anselmo Bandeira // 27 de novembro de 2018

O Palmeiras conquistou o seu décimo título brasileiro. Neste domingo (25), a equipe venceu o Vasco por 1 a 0, em Januário, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. O único gol do jogo foi marcado pelo atacante Deyverson no segundo tempo.
Com o resultado, o time alviverde não pode ser mais alcançado pelo Flamengo, vice-líder, que venceu o Cruzeiro por 2 a 0, no Mineirão. Faltando apenas um jogo para terminar a competição, o clube paulista tem 77 pontos –cinco a mais do que o rival. O Palmeiras receberá o troféu no próximo domingo (2), quando recebe o Vitória, no Allianz Parque.
A taça é a segunda do Palmeiras com a fórmula de pontos corridos do Brasileiro -ganhou em 2016–, e se soma a dois títulos da Taça Brasil (1960 e 1967), dois do Torneio Roberto Gomes Pedrosa (1967 e 1969) e quatro outros Brasileiros (1972, 1973, 1993 e 1994). Em 2010, a CBF unificou as conquistas dos torneios nacionais realizados na década de 1960 com as do Campeonato Brasileiro, batizado assim a partir de 1971. Assim, o Palmeiras amplia sua vantagem para o Santos, que tem oito.
Felipão colocou o Palmeiras na liderança 56 dias após fazer sua estreia pela equipe alviverde, que foi diante do América-MG. Ele assumiu a ponta na 27ª rodada e não perdeu mais. No total, Felipão obteve 51 dos 70 conquistados pelo Palmeiras. O aproveitamento do treinador no Brasileiro é de 80,9%
A vitória diante do Vasco também fez o clube paulista completar 22 jogos de invencibilidade e aumentar ainda mais o recorde nos pontos corridos. Até então, a melhor marca era do Corinthians, que ficou 19 partidas sem perder na temporada passada.
O jogo
Um dos motivos que levaram o clube ao título do Brasileiro foi justamente a força do seu elenco. Felipão alterou muito o time de um jogo para outro.
Neste domingo (25), ele mexeu pouco em relação ao time que venceu o América-MG na última quarta-feira. Desta vez, colocou o volante Felipe Melo e o lateral esquerdo Barbosa nos lugares de Thiago Santos e Victor Luís.
O time, porém, não demonstrou o mesmo ímpeto do jogo anterior. Não marcava sob pressão e ainda contava com Lucas Lima sem inspiração no setor de armação. Assim, só criou uma única chance na etapa inicial em um chute de Bruno Henrique, que passou perto do gol de Fernando Henrique.
Já o Vasco foi melhor. O clube carioca explorava as costas justamente de Diogo Barbosa e criou boas oportunidades. A melhor delas, Andrey desperdiçou parou em Weverton.
Com o Flamengo vencendo o Cruzeiro, o que adiava a definição do título para a última rodada, o Palmeiras voltou marcando mais no campo de ataque na etapa complementar. Com isso, melhorou e passou a rondar a área adversária, mas insistia nas jogadas aéreas.
Felipão fez duas alterações. Ele tirou Borja e Lucas Lima para as entradas de Deyverson e Gustavo Scarpa. Melhor em campo, o Palmeiras chegou ao gol com a participação de Dudu, o melhor jogador da equipe na competição.
Aos 29 minutos, o camisa sete enfiou para Willian, que se esticou e conseguiu tocar para Deyverson completar para a rede e marcar o único gol da partida. O Palmeiras segurou a pressão do rival e conquistou o seu décimo título.

Folhapress
Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire