Você está em: CEARA // Notícia de Anselmo Bandeira // 4 de dezembro de 2018


O acompanhamento da disponibilidade de leitos de internação pelo Sistema Único de Saúde (SUS), apesar de primordial para o gerenciamento adequado da rede pública, não parece acompanhar o trânsito das gestões governamentais. 

Em relatório divulgado pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) em outubro deste ano, que teve por base estatísticas do Datasus, Fortaleza teria, em dez anos, perdido aproximadamente 950 leitos hospitalares. A Prefeitura informa, contudo, que esse déficit teria sido de 77 leitos.

Conforme o relatório nacional, em 2008 o Ceará dispunha de 2,11 leitos por mil habitantes. Dez anos depois, referente à população atual, o Estado passou a ter 1,99 leitos por mil habitantes. A proporção considerada ideal, recomendada pelo Ministério da Saúde, é de 2,5 a 3 leitos por mil habitantes.

O POVO
Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire