Você está em: CEARA // Notícia de Anselmo Bandeira // 5 de dezembro de 2018


A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ), recebeu denúncia nesta quarta-feira, 5, contra a desembargadora Sérgia Maria Mendonça Miranda e outros acusados de participar de esquema de venda de decisões judiciais no Estado entre 2012 e 2013.

De acordo com o Ministério Público Federal (MPF), por meio de mensagens de WhatsApp, era comercializadas decisões liminares que eram concedidas por Sergia Mendonça, durante seu plantão no Tribunal de Justiça, favorecendo clientes de advogados que integravam o grupo de fraudes.

O esquema foi deflagrado pela operação Expresso 150, em 28 de setembro de 2016. Na ocasião, os gabinetes de Sérgia Miranda e Francisco Pedrosa, desembargador aposentado e suspeito de partidipar do esquema, foram alvos de busca e apreensão. 

 (STJ)
Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire