Você está em: NACIONAL // Notícia de Anselmo Bandeira // 6 de fevereiro de 2019

Gaspar Nóbrega/SOS Mata Atlântica
O Corpo de Bombeiros informou, no começo da noite desta terça-feira (5), que o número de mortos em decorrência da queda da barragem I da Mina do Feijão chegou a 142. Segundo as autoridades, 194 pessoas continuam desaparecidas, sendo 61 funcionários da Vale e 133 terceirizados ou moradores das comunidades ao redor.

Outras 392 pessoas já foram localizadas pelos bombeiros. Três pessoas continuam hospitalizadas e 103 estão desabrigadas.

A corporação informou ainda que 399 bombeiros continuam trabalhando nas buscas em Brumadinho. Destes, são 200 militares do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais; 64 da Força Nacional; 110 bombeiros de outros estados e 25 voluntários.

Os bombeiros vêm trabalhando nesta terça com 30 equipes espalhadas por toda a região atingida que fora devastada pela lama, com maior atenação e concentração em locais onde a possibilidade de encontrar vítimas é maior. As autoridades também estão realizando escavações com máquinas pesadas em locais onde a lama já está enrijecida.

Militares acompanhados de 14 cães fazem uma varredura nas matas do entorno na área atingida, enquanto homens da Força Nacional estão empenhados na região onde ficava a pousada Nova Estância e em demais locais estratégicos.




UOL
Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire