Você está em: NACIONAL // Notícia de Fagner Freire // 8 de janeiro de 2020


O corpo sem vida de um garoto de 10 anos foi encontrado, nesta quarta-feira (8/1), no trem de pouso de um avião da Air France proveniente de Abidjan, na Costa do Marfim - informaram fontes próximas à investigação. O avião, um Boeing 777, decolou de Abidjan, capital econômica da Costa do Marfim, na noite de terça-feira e aterrissou em Paris logo após as 5h GMT (2h no horário de Brasília). O corpo, parcialmente vestido, foi descoberto menos de uma hora depois no poço do trem de pouso, segundo fontes próximas à investigação.

Em nota, a companhia aérea confirmou a morte de um "passageiro clandestino" e lamentou uma "tragédia humana", mas não informou a idade da vítima. Segundo várias fontes, a criança teria "cerca de 10 anos". O Ministério Público de Bobigny informou que pediu para a gendarmeria de Transporte Aéreo abrir uma investigação para determinar as causas da morte. Uma necrópsia está agendada para esta quarta.

Nos últimos anos, várias pessoas, entre eles adolescentes foram encontrados mortos congelados ou esmagados em trens de pouso de aviões. Na França, o último caso data de abril de 2013. No aeroporto internacional Roissy Charles de Gaulle, o corpo de um menino - provável candidato frustrado à imigração - foi encontrado em um avião procedente de Camarões.

Aumento da imigração clandestina

Segundo uma fonte próxima à investigação, o jovem encontrado nesta quarta "morreu por asfixia, ou frio". As temperaturas caem para -50°C entre 9.000 e 10.000 metros, a altitude na qual os aviões voam. Laure Palun, diretora da Anafe (Associação Nacional de Assistência Fronteiriça para os Estrangeiros), disse à AFP que está "muito comovida por este drama, fruto do fechamento e do controle das fronteiras".

Para ela, "quando não existe uma via de imigração legal, as pessoas devem se esconder para chegar ao país ao qual desejam ir, o que provoca dramas". "Além da tragédia humana, isso indica uma grande falha da segurança no aeroporto de Abidjan", disse à AFP uma fonte da segurança da Costa do Marfim, perguntando-se como uma criança conseguiu entrar no avião e se ele teve ajuda.

"Eu, que sou piloto, vi muitas vezes pessoas pela pista, sem que se saiba quem são, nem de onde vêm", afirmou um integrante do aeroclube de Abidjan, que pediu anonimato. O clube fica no aeroporto internacional Félix Houphounet Boigny.  Apesar de a Costa do Marfim viver sob ameaça de ataques extremistas, o país tem uma das economias mais dinâmicas da África - com crescimento médio anual de 8% desde 2012.

A imigração clandestina deste país para a Europa teve um aumento inédito nos últimos anos. Em 2017, 8.753 imigrantes de 14 a 24 anos chegaram à Itália provenientes da Costa do Marfim. Deles, 1.474 eram menores não acompanhados, segundo dados do Centro Internacional de Voluntariado (CEVI), uma ONG italiana. 



Agência France-Presse
Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire