Você está em: CEARA // Notícia de Anselmo // 24 de abril de 2020

 
 
É nítido e notório que em ano eleitoral, ainda antes do período de campanha, aqueles que se colocam como pré-candidato saem às ruas, viajam para suas bases eleitorais em busca de apoio eleitoral, bem como segurança financeira para garantir um bom desempenho na disputa. Neste ano de 2020, porém, devido à pandemia de coronavírus, as coisas estão um tanto diferentes, e complicadas, para muitos daqueles que devem postular a cadeira de prefeito nos 184 municípios do Ceará.
O foco mudou. Ao invés de apontar falhas da administração pública vigente, a oposição, por exemplo, tem se dividido entre as ações de combate à pandemia da Covid-19 e encontrar erros na gestão em tempos de calamidade pública. Isso tem sido notado com mais clareza onde alguns deputados estaduais e federais já se colocaram como pré-candidatos à disputa eleitoral.
Outra ansiedade dos pretensos postulantes diz respeito até sobre o período das eleições propriamente dita, uma vez que alguns deles acreditam que o processo eleitoral possa ser adiado, visto o momento de crise na saúde vivenciada em todo o Brasil.
O mesmo acontece com aqueles que disputarão o cargo de vereador. Impossibilitados de realizar eventos públicos, para evitar aglomerações, muitos dos políticos que tentam reeleição nas casas legislativas, têm aderido às redes sociais para tentar se aproximar cada vez mais do eleitorado em potencial.
Blog do Edison Silva
Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire