Você está em: CIDADE , IPU , PRINCIPAL // Notícia de Fagner Freire // 1 de julho de 2020


Na noite desta terça-feira (30/06), na sessão remota da Câmara Municipal, os Vereadores de Ipu rejeitaram o Projeto de Lei de autoria do Executivo Municipal ainda nas comissões, que estabelecia a redução do subsídio dos agentes políticos e funções comissionadas do Município, incluindo Prefeito, Vice-Prefeita e Secretários, no percentual de 20% pelo período de 90 dias, em decorrência da pandemia do COVID-19.

Com a redução dos gastos, o Município iria subsidiar uma gratificação de até 20% para os profissionais da saúde e demais servidores que estão atuando na linha de frente no combate ao COVID-19 no Município, pelo prazo de 90 dias.

Uma vez derrotado o PL do executivo com a redução, imediatamente o executivo pediu para retirar de pauta a gratificação dos servidores justificando que a gratificação estava viabilizada com a economia dos gastos com a redução dos salários dos agentes políticos, comissionados e prestadores de serviços. 



Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire