Você está em: NACIONAL // Notícia de Fagner Freire // 17 de setembro de 2020

 


Os vikings eram muito menos brancos e louros do que se acreditava, de acordo com estudos de pesquisadores da Universidade de Copenhague, que descobriram que a herança genética, a cor da pele e o cabelo dos lendários guerreiros nórdicos eram surpreendentemente variados. 

"Os indivíduos da era Viking não eram todos escandinavos do ponto de vista genético", disse Ashot Margaryan, professor da Universidade de Copenhague, um dos co-autores do estudo publicado na revista científica Nature.

"A Escandinávia viking tinha mais pessoas de cabelos escuros do que a Escandinávia contemporânea" por causa das relações com o sul e o leste da Europa, explicou este especialista, embora os louros fossem maioria. 

Os pesquisadores sequenciaram o genoma de 442 fragmentos de ossos da era Viking - entre os séculos VIII e XII - de toda a Europa. 

Os especialistas determinaram que uma mistura genética significativa ocorreu naquela época no sul da Escandinávia, certamente graças ao comércio, mas também à escravidão, observou o pesquisador.

De acordo com o estudo, que confirma o consenso histórico sobre o assunto, os ancestrais dos noruegueses navegaram principalmente para a Irlanda, Islândia e Groenlândia, enquanto os antecessores dos atuais suecos viajaram para os países bálticos, e os dinamarqueses da época, para a Escócia e Inglaterra.

 

 

(Diário do Nordeste)

Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire