Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 4 de fevereiro de 2021

 


Dois homens, entre eles um motorista de aplicativo, foram presos na noite de terça-feira (2), logo após terem realizado um assalto no bairro Parquelândia, em Fortaleza. Ao avistarem a composição, os suspeitos tentaram fugir e apontaram a arma de fogo contra os PMs, que revidaram atingindo o pneu do carro, informou a Secretaria da Segurança Pública.

Segundo a pasta, foram apreendidos dois aparelhos celulares, chaves, cordões e dinheiro. Os agentes do 18° Batalhão de Polícia Militar iniciaram as diligências quando receberam a informação de que que dois homens estavam praticando assaltos na Avenida Jovita Feitosa em um veículo Chevrolet/Ônix.

Durante as buscas, o carro foi localizado trafegando pela região. Depois da captura, os dois suspeitos foram identificados como José Luccas Rocha Aragão, 28, com passagem por posse ou porte ilegal de arma de fogo; e Herbete Rodrigues Ribeiro, 25, conforme a Secretaria da Segurança Pública.

Autuações

Os dois homens foram conduzidos para o 10° Distrito Policial (DP), onde foram autuados em flagrante por roubo majorado pelo emprego de arma de fogo. Um aparelho celular e outros pertences roubados foram restituídos ao proprietário, informou a pasta.

Também de acordo com a instituição, a Polícia Militar realiza buscas para identificar e localizar um terceiro partícipe e uma arma de fogo utilizada durante a ação criminosa.

 

(Diário do Nordeste)

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire