Você está em: NACIONAL // Notícia de Anselmo // 19 de março de 2021





A família providenciou uma pá e uma enxada e para fazer a cova rasa e colocar o caixão.

Uma família de Magé, na Baixada Fluminense, foi obrigada a cavar uma sepultura para conseguir realizar um enterro no Cemitério Municipal II de Vila Esperança. A cena, onde dois irmãos cavam um buraco para enterrar a própria mãe por falta de coveiro, foi gravada pelo celular e viralizou nas redes sociais. As informações são do portal O DIA.


Segundo Luciene Oliveira, uma das filhas, após esperarem por um longo tempo, os irmãos providenciaram uma pá e uma enxada e fizeram a cova rasa para colocar o caixão, como mostra o vídeo.

As cenas causaram a revolta de internautas. Após a polêmica, a prefeitura informou que a equipe de três coveiros foi liberada do serviço na hora do almoço, e que por causa da denúncia da família exonerou todos os funcionários e o diretor do cemitério. Confira a resposta na íntegra:

“Assim que tomou ciência do ocorrido, o prefeito exonerou o diretor do cemitério pela atitude inadmissível que ocorreu na unidade Magé II.

A família teve o processo do funeral todo agilizado pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos. Porém, quando o corpo chegou ao cemitério, todos os coveiros tinham sido liberados para o horário de almoço.


O POVO
Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire