Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 30 de novembro de 2021

 


O trabalho coordenado pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará (SSPDS/CE) resultou na redução de 25% nas ocorrências de roubos a instituições financeiras, em todo o Estado, no quadro comparativo entre os meses de janeiro a outubro de 2021 em relação ao mesmo período do ano passado. Nos dez meses deste ano foram registradas seis ocorrências, enquanto no mesmo período do ano de 2020, ocorreram oito casos.

Importante destacar que a redução no número de ocorrências de ataques a instituições financeiras vem sendo percebida ano a ano desde de 2016. Naquele ano foram registrados 62 casos, enquanto que no ano seguinte, em 2017, houve 56 ocorrências, contabilizando uma redução de 9,6%. Comparando o número de ocorrências de 2017 (56) com os casos de 2018 (41), a retração foi de 26,7%. De 2018 para o ano de 2019, o percentual de redução no número de ocorrências dessa natureza foi de 65,8%, sendo registrados 41 casos em 2018 e 14 registros em 2019. Já sendo comparado o número de ocorrências de 2019 (14) com os casos de 2020 (8), o percentual reduziu em 42,8%.

A redução nos números de ocorrências de roubos a instituições financeiras foi obtida graças às atuações das Forças de Segurança do Ceará, desempenhadas por meio do fortalecimento das investigações e do policiamento ostensivo por parte da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) e da Polícia Militar do Ceará (PMCE), respectivamente, bem como de outros profissionais vinculados à SSPDS. É válido ressaltar, também, que o estabelecimento das estratégias é realizado com base em dados obtidos pela Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp).

“Esses resultados são frutos de um trabalho conjunto que vem sendo feito nos últimos anos pelas Forças de Segurança. A Polícia Militar, por exemplo, tem promovido um cerco com grande êxito nas regiões de divisas com outros estados e a Polícia Civil vem trabalhando nas investigações a fim de identificar, responsabilizar e capturar as pessoas envolvidas”, destacou delegado Rommel Kerth, titular da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) da PC-CE. “A união das forças e a especialização na repressão a esse tipo de ação criminosa deram um know-how (experiência) de como combater essas ocorrências, quais as providências iniciais a serem tomadas e o desenrolar das investigações. Importante destacar, também, a  colaboração das instituições federais como a Polícia Federal (PF)  e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) no combate a esse tipo de criminalidade”, acrescentou o delegado.

Investigações

As investigações de ações criminosas contra instituições bancárias são conduzidas pela Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) da PC-CE com foco na desarticulação e na asfixia econômica de grupos criminosos que atuam em todo o Estado. As prisões dos chefes desses grupos nos últimos anos foram fundamentais para que a atuação diminuísse em território cearense.

 O policiamento direcionado aos corredores bancários é desempenhado pelo Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) e por equipes da Força Tática (FT) da PMCE, em ações que contam com o apoio do Sistema de Videomonitoramento da SSPDS e suas mais de 3.300 câmeras espalhadas pelo Ceará. Além disso, a PMCE atua no interior do Estado por meio do Batalhão Especializado de Policiamento do Interior (Bepi) no combate às práticas ilícitas, com equipes da 1ª Companhia do 4° Batalhão (Bepi/Cotar) e da Companhia de Operações de Divisas (COD).

Pelos ares

 

 

A Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) da SSPDS conta com bases fixas em quatro municípios – Fortaleza, Quixadá, Juazeiro do Norte e Sobral. A distribuição estratégica das bases em quatro diferentes regiões possibilita a redução do tempo de resposta da Polícia por meio da cobertura em todo o Estado, contribuindo, de forma enérgica, no combate à criminalidade.

 

(SSPDS/CE)

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire