Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 12 de novembro de 2021

 


Um homem identificado por Kaio Marcelo foi preso suspeito de ter matado a pauladas a própria companheira Rayane Lopes da Silva, de 23 anos, que estava desaparecida. De acordo com as investigações, ele teria incendiado o corpo da vítima e enterrado no quintal da própria casa, na cidade de Pacatuba, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Kaio foi preso na segunda-feira, 8, pela Polícia Civil, por meio da Delegacia Regional de Baturité.

O POVO apurou que a investigação teve início a partir de um Boletim de Ocorrência (B.O.) que comunicava o desaparecimento de Rayane. Ela havia sumido há aproximadamente 10 dias. Após começar as diligências sobre o caso, a equipe da Polícia Civil identificou o motorista que teria feito o transporte de Rayane de Baturité com destino à Fortaleza. O profissional afirmou aos policiais que havia deixado a jovem nas proximidades dos municípios de Pacatuba e Maracanaú.

Em contato com uma prima de Rayane, os policiais descobriram que ela se relacionava com um homem chamado Kaio Marcelo. O homem residia com um tio nas proximidades do local onde a mulher havia desembarcado.

Suspeito estava nervoso

Conforme a apuração, no local, os policiais identificaram nervosismo em Kaio Marcelo, que disse não ver a jovem há dois meses, mas durante as conversas, ele acabou informando que ela havia ido à sua residência no dia 29, por volta do meio-dia, mas que horas depois seguiu para Fortaleza.

Durante a conversa, os policiais sentiram um forte odor que vinha das imediações da casa de Kaio. Eles solicitaram a entrada para verificar o quintal, onde o odor estava mais forte. Havia uma porção de terra que mostrava que algo havia sido enterrado.

Diante das evidências, segundo apurado pelo O POVO, o homem confessou que matou Rayane a pauladas e ateou fogo no corpo. Ela foi enterrada com o intuito de ocultar o corpo. O criminoso foi encaminhado à Delegacia de Homicídios em Fortaleza para realização do procedimento.

O homem foi autuado por homicídio e ocultação de cadáver. Ele alegou que matou a jovem por ciúmes. Ele é apontado pela morte de um tio na cidade de Aratuba, no ano de 2018. Kaio teria matado o próprio familiar a golpes de foice.  

 

 

(O Povo)

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire