Ipu (CE): Mulher denuncia que teve a casa invadida por homem em busca de vingança

 


A mãe da jovem que matou o companheiro a facadas, compareceu na Delegacia de Polícia Civil de Ipu, na manhã desta quinta-feira (30/12) para denunciar o pai do seu genro morto, na segunda-feira (27/12) invadiu a casa de uma pessoa com quem tem um relacionamento amoroso, na localidade Passa Sede, limite Ipu/Pires Ferreira e a ameaçou com uma faca. 

A denunciante disse cujo homem bradava que ela era a ocupada da morte do seu filho e que iria matá-la. A salvaguarda da mulher é que chegou uma outra pessoa e demoveu o homem pelo menos momentaneamente da ideia de vingança. 

A mulher tem moradia no bairro Pereiros, diz temer por sua vida, mesmo não tendo participação no crime cometido em agosto de 2021 por sua filha. Segundo ela a filha de 18 anos, mãe de uma criança de 2 anos, matou por legítima defesa, pois sofria muito nas mãos do tal companheiro, que partia até para bater na própria sogra.

No dia do homicídio, a jovem levou um soco na boca que sangrou, daí se muniu de uma faca e desferiu dois golpes fatais; um nas costas e outro no peito. Foi presa, depois de alguns dias liberada, e depois foi embora da cidade de Ipu.  

Relembre o caso: Mulher é presa após matar o companheiro a golpes de punhal em Ipu


 

 

 (Repórter Francisco José)