Dentista que morreu após carro capotar perdeu o controle do veículo em curva, diz polícia

 Dentista Ana Karolini Lustosa, de 28 anos, morreu após o carro dela capotar na CE-292, em Araripe, no interior do Ceará. — Foto: Arquivo pessoal

A dentista Ana Karolini Lustosa, de 28 anos, que morreu na noite de sábado (25) ao capotar o carro na CE-292, em Araripe, no interior do Ceará, perdeu o controle do veículo após uma curva na rodovia, conforme a Polícia Civil.

O acidente aconteceu no quilômetro 118, no Sítio Teixeiras. Uma ambulância do Samu foi acionada, mas quando os socorristas chegaram ao local, Ana Karolini já estava sem vida. Ela deixou um filho.

"Segundo os primeiros levantamentos policiais, a vítima, que era dentista, conduzia o veículo e capotou em uma curva na estrada. Ela não resistiu aos ferimentos e foi a óbito no local", disse a polícia.

Ainda conforme a Polícia Civil, as circunstâncias da morte de Karolini serão investigadas pela Delegacia Regional de Tauá.

Carro da dentista Ana Karolini  ficou destruído após capotar no quilômetro 118 da CE-292. — Foto: Arquivo pessoal

Carro da dentista Ana Karolini ficou destruído após capotar no quilômetro 118 da CE-292. — Foto: Arquivo pessoal

Ana Karolini atendia em um consultório no Centro de Araripe. Além de odontologia geral, ela era especializada em ortodontia. Na rede social da dentista, parentes, amigos e conhecidos postaram homenagens pela morte da jovem.

Sepultamento

O corpo da dentista será velado nesta segunda-feira (27), em uma missa na Igreja matriz de Araripe. Em seguida, ocorre o sepultamento no cemitério do Sítio Teixeiras.

A prefeitura de Araripe, cidade em que Ana Karolini morava com a família, divulgou uma nota de pesar pela morte da dentista.

"A sua partida atingiu violentamente os corações de todos que te amavam, que conviveram ou até mesmo aqueles que viram a foto de uma jovem profissional, mãe e mulher linda", diz um trecho da publicação.

"À toda família, muita coragem e conforto, nossos sentimentos estão com todos vocês nesta hora tão difícil. Agora ficaram as lembranças e a saudade, na memória guardaremos sempre com amor a sua breve passagem, mas sabendo que viverá para sempre", completa. 

 

(g1)

Tags