Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 1 de julho de 2022

 Aula inaugural do Curso de Formação de 2.415 aprovados no Concurso de Soldados da Polícia Mili...

Edital de concurso público para mil vagas da Polícia Militar do Ceará (PMCE) deve ser concluído até o fim do ano. A informação é do secretário da Segurança Pública e Defesa Social, Sandro Caron, que fez o anúncio durante entrevista nesta quinta-feira, 30, aos jornalistas Jocélio Leal, Raquel Chaves e Farias Júnior, das Rádios O POVO CBN e CBN Cariri.

Conforme Caron, o edital está em processo de licitação para a escolha da banca que deve ser responsável pelo concurso. Ele relata que o objetivo é divulgar o edital até o fim de 2022 e que o processo "está bem adiantado", afirma.

O gestor da SSPDS relembra que foi iniciada a formação de 2.415 policiais militares, no entanto, o novo edital deve abrir mais mil vagas.

O secretário ressaltou ainda que todos os profissionais passam por investigação social para ingressar nas forças de segurança. As áreas de inteligência verificam a vida pregressa dos aprovados e, se for comprovado algum envolvimento com situações ilícitas, há uma reprovação na fase da investigação social e a pessoa não entra na Polícia. "Não podemos colocar maçã podre dentro da Polícia", informa. 

 Caron falou sobre a pesquisa do Anuário Brasileiro de Segurança Pública e disse descordar da metodologia que apontou a cidade de São João do Jaguaribe como a cidade mais violenta do Brasil. Caron ressalta que a metodologia usada não foi adequada e que inseriu cidades com poucos habitantes. "Quem vai aceitar que é mais perigoso ir a São João do Jaguaribe do que para o Rio de Janeiro", afirma.

O secretário da segurança disse que há números positivos no Ceará e que esse mês de junho será o período com menor número de homicídios desde que ele assumiu a gestão da SSPDS. Ainda destacou que o Ceará tem aproximadamente mil prisões por mês e redução de homicídios no primeiro semestre e em relação a 2021.

Outro fator positivo citado por Sandro Caron é a criação do Comando de Prevenção de Apoio as Comunidades, que foi oficializada nesta quarta-feira, 29. A ideia é que o grupo de policiais atue em microterritórios, áreas com vulnerabilidade e possa garantir a segurança dos moradores.

 

 

(O Povo)

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire