Acusado pela morte de comunicador do Pirambu News é preso em Fortaleza

 Criador do canal de notícias "Pirambu News", Givanildo Oliveira, foi morto a tiros no Bairro Pirambu, em Fortaleza. — Foto: Arquivo pessoal

Givanildo foi assassinado no dia 7 de fevereiro deste ano, na esquina da Avenida Doutor Theberge com a Rua Nossa Senhora das Graças, após divulgar em seu portal a prisão de um suspeito de homicídio no bairro onde morava. A postagem desagradou integrantes de uma organização criminosa.

Conforme a Polícia Militar, Nilton Pires Amaro de Castro, 25 anos, que ficou perto do local para dar suporte a morte do comunicador e estava foragido desde o dia do crime, foi capturado pelos agentes após cair do telhado de uma casa ao tentar fugir de uma abordagem policial na Rua São Raimundo.

Na ocasião, ele estava na companhia de Francisco Demis Amaro Sousa, 27 anos, que também foi preso.

Segundo a PM, os homens alegaram que fugiram da polícia porque estavam de posse de armas de fogo e na fuga arremessaram uma mochila com armamento. A bolsa foi localizada pelos agentes contendo uma espingarda, uma pistola, um revólver e munições.

A dupla foi socorrida em virtude da queda do telhado. Em seguida, os homens foram apresentados no 7º Distrito Policial, onde foi feita a autuação por porte ilegal de arma de fogo e cumpridos dois mandados de prisão em aberto contra Nilton Pires, um deles pela morte do dono da página Pirambu News.

Nilton já tem antecedentes criminais por dois homicídios, porte ilegal de arma de fogo e receptação. Já Demis responde por porte ilegal de arma de fogo e crime contra a economia popular. 

 

(G1/CE)

Tags