Você está em: NACIONAL // Notícia de Fagner Freire // 2 de agosto de 2022

 Corpo foi encontrado em um matagal próximo a um campo de futebol em Ribeirão das Neves — Foto: Flávia Ayer/TV Globo

O corpo da menina Bárbara Vitória, de 10 anos, que estava desaparecida desde o último domingo (31) em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, foi encontrado em um matagal próximo a um campo de futebol no bairro Pedra Branca, na manhã desta terça-feira (2).

. Menina está desaparecida desde domingo (31) — Foto: Reprodução/Redes Sociais


Bárbara tinha sido vista pela última vez no bairro Landi, na Região de Justinópolis. Ela saiu de casa para ir à padaria e não voltou mais.

O corpo foi encontrado por uma estudante que estava ajudando nas buscas. A criança estava amordaçada e vestia apenas a camisa do Atlético-MG com a qual estava antes de desaparecer. 

O pai de Bárbara, Rogério Flores, contou que a menina brincava em frente à casa da família, no bairro Mantiqueira, Região de Venda Nova, em Belo Horizonte, no limite com Ribeirão das Neves. 

Era o último dia de férias escolares e, por volta das 17h30, ele pediu que a menina fosse à padaria, que fica a poucas quadras de casa. Ela buscaria pães para o café da família. Um trajeto que, segundo o pai, a criança já tinha o hábito de fazer

Bárbara saiu de casa, mas não voltou. A demora chamou a atenção da família, que buscou a ajuda das autoridades. Imagens de circuito de segurança mostram a menina na fila do caixa da padaria e, depois de ser atendida, guardando o troco em uma bolsa e saindo do local com um saco de pães. Ela chega a se despedir de uma atendente quando o relógio do circuito marca 17h46

Às 17h55, uma outra câmera registra o momento em que Bárbara desce uma rua, correndo pelo asfalto.

Quase 30 minutos depois, às 18h23, um novo registro. A menina aparece correndo em frente a outro comércio. Um minuto depois, às 18h24, a mesma câmera registra o momento em que dois homens correm na mesma direção em que Bárbara estava. O fato chamou a atenção dos militares.

Segundo a família da criança, um dos rapazes chegou a ser preso na segunda-feira (1º), mas foi liberado por falta de provas.

O g1 Minas entrou em contato com a Polícia Civil por volta de 0h30 e aguarda o retorno sobre as investigações.

 

 (g1)

Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire