Morre mulher que teve tumor de 46 kg retirado em cirurgia

 A paciente tinha 45 anos

(foto: Instagram/Glaucio Boechat)

A mulher que passou por um procedimento cirúrgico de emergência para fazer a retirada de um tumor de 46 kg morreu na tarde desse domingo, 11. A paciente estava com alta do CTI programada para essa segunda, 12, mas teve uma parada cardíaca e não resistiu. A mulher estava internada desde o dia 31 de agosto, quando procurou auxílio médico com dor e falta de ar.

O corpo da mulher foi enterrado nesta segunda-feira, 12. A paciente tinha 45 anos e foi operada no mesmo dia em que deu entrada no Hospital São José do Avaí, em Itaperuna, no Rio de Janeiro. De acordo com o portal G1, o médico que operou e acompanhou o pós-operatório da paciente informou que a mulher estava bem e, inclusive, chegou a conversar com os profissionais ainda no domingo.

Após a paciente procurar ajuda médica, o responsável pela operação, Glaucio Boechat, informou que, ao analisar o quadro clínico da paciente, foi decidido fazer uma internação e uma cirurgia de emergência. Parte do material retirado passaria por uma biópsia, com o objetivo de descobrir onde o tumor começou. Na época, a suspeita é de que tenha sido útero.

Segundo o cirurgião, a mulher relatou que sabia da existência do tumor há pelo menos cinco anos. Após a remoção, ela foi internada no CTI do hospital.

De acordo com o cirurgião geral, a paciente tinha 45 anos, 1,53 metros de altura e estava pesando 150 kg. Ela nasceu na cidade de Volta Grande, em Minas Gerais, e morava em Itaperuna. 



(O Povo)

Tags