Padrasto é preso por fazer fotos e vídeos pornográficos de enteada

A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Planaltina, prendeu em flagrante um homem de 30 anos suspeito de produzir pornografia infantil usando sua enteada, menor de idade.

A mãe e um tio da vítima procuraram a policia, um dia antes da prisão, informando que o suspeito estaria filmando a menina e guardando as cenas de nudez e pornográficas dela. A mãe da menor, e companheira do autor, informou ter visto, no celular utilizado por ele, algumas fotos e vídeos da garota armazenados.

Segundo o delegado Thiago César, aparentemente, o homem apagava as filmagens, mas ainda restaram algumas imagens que haviam sido registradas dias antes da prisão. Após diligências, a equipe policial localizou o autor, e ao verificar o aparelho telefônico, confirmou o crime.

O delegado explica ainda que o homem convivia com a enteada há 14 anos e há pelos menos três anos praticava os crimes contra ela. Ele recebeu voz de prisão e foi conduzido para a unidade policial, onde foi preso em flagrante.

 

(O Hoje)

Tags