Você está em: CEARA // Notícia de Fagner Freire // 2 de outubro de 2020

 


Cinco prisões em flagrante, seis armas de fogo apreendidas e carnes retiradas de abatedouros clandestinos, esse foi o resultado da operação “Nelore”, que é uma raça nobre de gado, deflagrada nos dias 29 e 30 de setembro. A ofensiva contou com efetivo de Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio das delegacias municipais de Tamboril e Monsenhor Tabosa, e com o apoio do Conselho Regional Veterinário do Estado do Ceará.

Em posse de denúncias anônimas de vendas de carnes em locais inapropriados, a Polícia Civil deflagrou a operação, que culminou na prisão de cinco homens e na apreensão de mais de 100 quilos de carne. O material apreendido foi retirado de abatedouros clandestinos, situados na zona rural de Tamboril e Monsenhor Tabosa, municípios pertencentes à Área Integrada de Segurança 16 (AIS 16) do Estado.

No primeiro dia da ofensiva, ocorrido na última terça-feira (29), os suspeitos identificados por Ricardo Rodrigues de Sousa (38), Francisco Reginaldo de Oliveira Sousa (42) e Juarez Júnior Vera Bento (30), este último com antecedentes criminais por ameaça no contexto de violência doméstica e desobediência, foram flagranteados no momento em que estavam abatendo um boi. Segundo informações colhidas pelos policiais, a carne seria comercializada e distribuída para os comércios locais. Os homens foram conduzidos para a delegacia da região. Na unidade, o trio foi preso e autuado pelos crimes de maus tratos a animais e comercialização de produtos impróprios para consumo.

Em continuidade à ação realizada na quarta-feira (30), em Monsenhor Tabosa, os investigadores se depararam com dois indivíduos em uma residência, situada no sítio Barriguda. No local, os suspeitos Antônio Maciel Rodrigues Nascimento (21) e Francisco Edson Doroteia Rodrigues (35) portavam seis espingardas artesanais, que seriam utilizadas para sacrificar os bovinos, uma pequena quantia de pólvora e munições calibre 38. Além de 100 quilos de carne, armazenados em locais de total insalubridade.

Na Delegacia Municipal de Monsenhor Tabosa, a dupla foi autuada em flagrante por posse irregular de arma de fogo de uso permitido. A PCCE ressalta que as investigações continuam, com o objetivo de identificar outros partícipes dessa ação delituosa.

 

 

(SSPDS)

Caderno: CEARA
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire