Você está em: REGIONAL // Notícia de Fagner Freire // 12 de abril de 2021

 


Profissionais de saúde da cidade de Varjota, a 272 quilômetros de Fortaleza, precisaram vacinar um idoso contra a Covid-19 enquanto ele pescava, na manhã desta sexta-feira, 9, em meio ao açude Araras. O caso inusitado ocorreu logo após os agentes notarem a ausência de Manoel Lopes, 66, no mutirão de imunização que ocorre na cidade, e irem ao encontro do homem para que ele não deixasse de receber a segunda dose do imunizante, cuja aplicação estava agendada para ser realizada hoje. As informações são da Secretária de Saúde do município.

A técnica de enfermagem Rayane Fonseca, uma das profissionais que participaram do momento, conta que a pasta de saúde realiza o mutirão de vacinação nas quadras da cidade. O pescador já havia recebido a primeira dose e seu nome constava agendado para receber a segunda aplicação hoje, mas o homem não apareceu no local onde as aplicações estavam sendo realizadas.

Os agentes de saúde notaram a ausência de Manoel e descobriram que ele se encontrava pescando no açude. Quando chegaram no local tiveram a ideia de utilizar uma canoa para alcançar a embarcação que o homem estava e aplicaram a dose ali mesmo, no meio da barragem.

“Ele (Manoel) nem acreditou quando viu a gente chegando, ficou sem reação, não acreditou que a gente ia fazer tanto esforço para encontrar com ele”, relata a técnica. Ainda segundo a agente, o idoso tinha se relaxado quanto a importância de receber a segunda dose da vacina, fundamental para que o processo de imunização ocorra.

Método de campanha

A dedicação dos agentes em encontrar o idoso faz parte de um método incentivado pela pasta de saúde do município, que tem catalogado em sua base de dados todos os idosos atendidos. Aqueles contemplados que não podem por algum motivo comparecer ao local de imunização para a segunda dose, recebem tanto ligações quanto a visita dos profissionais de saúde para a aplicação domiciliar.

Casos semelhantes a esse já ocorreram na região, como afirma Mariana Mesquita Moraes, integrante da organização da campanha de imunização do município. “Aqui temos uma vasta plantação de banana no perímetro irrigado do Araras e muitos vacinadores tiveram que ir até às plantações para realizar a vacinação”, afirma a profissional.

“Estamos vivendo uma época muito difícil e ver a dedicação desses profissionais de saúde nos faz ter esperança de dias melhores, nossos vacinadores estão nos ajudando muito, trabalhando nos fins de semana, feriado, e é nítido todo o cuidado que eles estão tendo com nossos idosos”, destaca ainda.

 

(O Povo)

Caderno: REGIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire